Sunday, May 20, 2007

mais uma amiga...

digo de mim para mim:

todos vão...

uns ficam, outros, na outra margem esperam... no lugar onde somos pesados de acordo com o peso dos nossos corações...

para os que, por enquanto, cá ficam...
é bom que pensemos que os que passaram para lá, fazem parte do nosso passado.

Que não se deve desperdiçar energias com o que não se pode controlar,

há que olhar em frente,

pensar com clareza...

a fim de que se possa sobreviver...

com qualidade...

poesia de vida a tua.
tragédia de vida a nossa.

ajuda-nos daí...

obrigado Sofia.

1 comment:

weee said...

"(...)poesia de vida a tua.
tragédia de vida a nossa.(...)"

Lindo!